quarta-feira, junho 06, 2007

Da ira

Se eu pudesse molhar minha raiva, linda, também molharia. Encharcava a chama de dentro de mim sem vergonha de transparecer o corpo debaixo da blusa.

Esse tal jogo de poder é mesmo ridículo, me enlouquece e me pira. Fazer o quê, como disse, está aí. Gera faíscas. O pior é quando a faísca vira incêndio e queimamos coisas à nossa volta - se nao controlarmos o fogo à tempo, alguns viram carvao. Salve-os quem quiser!

4 comentários:

cintilante disse...

lendo assim, cheio de revolta
dá vontade de escrver
arghhh
grrrrr
buuuu
rgrgrgr
afffff

pra isso aí. sabe?

martina disse...

uuuuaaah!

Fabi disse...

Dotoza!

alice disse...

sei o que tu quer dizer...

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin